NOTÍCIAS

Postado em 25 de Março de 2014 às 11h08

RODRIGO PIMENTEL ENSINA COMO CONSTRUIR UMA VERDADEIRA TROPA DE ELITE

Segredo do sucesso está em uma equipe liderada por valores fundamentais em busca de soluções rápidas, devastadoras e eficazes

O autor e criador de Tropa de Elite e Tropa de Elite II, Rodrigo Pimentel, prendeu a atenção dos espectadores na palestra de encerramento da feira de soluções empresariais - Expen 2014, que ocorreu de 19 a 21 de março, em Chapecó. Na palestra “Construindo uma tropa de elite”, Pimentel mesclou a narrativa do processo de construção do primeiro filme com relatos de perseverança e conduta ética, essenciais aos policiais que compõe o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE).

O palestrante contou que apostou em um projeto cinematográfico que muitos diretores consideraram inexequível, até que o cineasta José Padilha acreditou na proposta e, de forma metódica, começou a planejar a execução do filme que logo nasceu e fora intitulado “Tropa de Elite”. O primeiro filme de Padilha e Pimentel foi sucesso garantido e, foi ele que deu fama e oportunidade de uma vida melhor a várias pessoas que integraram o elenco da filmagem, do qual muitos sequer atores profissionais eram. Para a produção da obra, Pimentel expôs que a ordem era mantida pelo lema do próprio BOPE, que busca soluções rápidas, devastadoras e eficazes.

Um dos relatos feitos por ele foi de quando ainda integrava o BOPE e, em dado momento, o governador do RJ ligou para o batalhão para que a equipe fosse resolver o fechamento de uma via expressa da linha vermelha por traficantes. Os oito agentes seguiram frente a 200 policiais que já estavam no local, porém, agora, embebidos da esperança nos oficiais do BOPE. Quando questionados pelo governador sobre a forma que conseguiram tal façanha, os agentes justificaram o ato pelo compromisso. “Ser caveira é ser persistente, comprometido e determinado com foco nos principais valores do time de elite: honestidade e caráter” enfatizou acrescentando que é inadmissível o desvio de conduta dos agentes.

Outro ponto destacado pelo ex-BOPE foi a relação entre os policiais, que requer extrema confiança entre os membros da equipe. Dentre os diversos relatos de histórias, exitosas ou não, Pimentel evidenciava sempre a determinação, confiança e foco nas ações, desencadeadas por um engajamento de liderança e pela afetividade. “O BOPE é o comando que mais prende e menos mata, e isso pouca gente sabe. A polícia despreparada, porém, age de forma ineficaz e irracional”.

Segundo Pimentel, o lema do BOPE é o mais eficaz e impactante: “Vá e vença!”. Para o caveira (BOPE), missão dada é missão cumprida, porque o profissional de elite coloca a missão em primeiro plano. “Com técnica e determinação, unidos e sem temor, avançamos na esperança de um amanhã sem violência. Somos pela paz, combatemos pela paz e é por ela que lutamos”, defendeu.

O palestrante contou ainda que, hoje, o processo de paz do Rio de Janeiro depende de aproximadamente 300 agentes do BOPE, e que, antes do início das operações de pacificação, haviam 65 homicídios para cada 100 mil habitantes, e depois, este número caiu para 25 para cada 100 mil habitantes. Sobre o principal motivo da violência no Brasil, Pimentel descarta a desigualdade social e desemprego como desencadeadores da desordem, mas aponta as drogas como principal motivo para violência no País.

Pimentel também adiantou que, para este ano, será realizada a gravação do filme “Tropa de Elite 3”, prevista para acontecer durante a Copa do Mundo 2014.

RODRIGO PIMENTEL

Rodrigo Pimentel foi um dos oficiais que serviu de inspiração para o CAPITÃO NASCIMENTO, interpretado pelo ator Wagner Moura - tem como objetivo despertarem as pessoas para superarem os "desafios" do ambiente competitivo de trabalho e para focarem a liderança sob o aspecto dos "homens de preto" do BOPE.

Como Capitão do BOPE, Pimentel liderou a equipe Alfa, a mesma retratada nos filmes Tropa De Elite e Tropa de Elite II. Foi personagem principal do documentário Notícias de uma Guerra Particular, de João Salles, disponível no Youtube, no qual relata com detalhes a sua experiência no BOPE em operações no combate ao tráfico de drogas em comunidades no Rio de Janeiro. Foi articulista do Jornal do Brasil, um dos produtores do documentário Ônibus 174, no qual recebeu o prêmio Emmy Award, principal prêmio da televisão mundial. É pós-graduado em Sociologia Urbana pela UERJ. Hoje, Rodrigo Pimentel é comentarista de segurança da TV Globo e faz palestras por todo o Brasil.

Veja também

Diretoria da ACIC apresenta reivindicações ao prefeito Buligon13/01/16 Diretoria da ACIC apresenta reivindicações ao prefeito Buligon A nova diretoria executiva da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), presidida pelo empresário Josias Mascarello, foi recebida em audiência pelo recém-empossado prefeito Luciano José Buligon. Mascarello apresentou os novos diretores da ACIC e convidou o chefe do......
O clube e a empresa na vida de Sandro Pallaoro04/01/16 A empresa que possui (Pallaoro Distribuidora de Frutas) e o clube que preside (Associação Chapecoense de Futebol) se misturam na trajetória do empresário Sandro Luiz Pallaoro eleito, em novembro passado, Empresário do Ano......
Pequenas práticas: grandes impactos na sustentabilidade do planeta05/11/13 “Você sabe quanto lixo produz por dia?”, com esta provocação, a diretora do Ponto Focal GRI no Brasil, Gláucia Térreo iniciou sua apresentação no 2o Fórum de Sustentabilidade realizado em......

Voltar para Notícias