Aba 1

    NOTÍCIAS

    Postado em 26 de Setembro de 2017 às 08h51

    “Estacionando na Praça”

    Contribuindo para aprimorar habilidades dos condutores

    O Núcleo dos Centros de Formação de Condutores (CFCs) da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) promoveu, no último sábado (23), mais uma edição do projeto Estacionando na Praça. Durante a manhã, instrutores das empresas nucleadas à ACIC contribuíram para condutores aprimorar as habilidades para estacionar veículos. A ação ocorreu em frente à praça Coronel Bertaso e integrou a Semana Nacional do Trânsito, celebrada entre os dias 18 e 25 deste mês.

    Samuel Rodrigues Borges participou da ação e avaliou positivamente. “A maneira como o instrutor explicou tornou mais fácil fazer a baliza”, comentou. De acordo com o instrutor Odair Ribeiro, para quem inicia as aulas para obter habilitação, a maior dificuldade é psicológica. “Para quem está começando o medo e a insegurança é o que mais impacta. Atualmente, aprender a fazer baliza é mais fácil do que fazer percurso porque depende apenas do aluno. Já o percurso envolve todas as variáveis do trânsito”, frisou.

    O coordenador do Estacionando na Praça, nucleado Paulo Felipe Parizotto, enfatizou que a intenção é promover a conscientização na sociedade sobre a importância da condução segura no trânsito. “É fundamental que os usuários prestem mais atenção e obedeçam a legislação. Um trânsito gentil, humano e seguro é possível com a colaboração dos motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres. A melhoria do trânsito é responsabilidade de todos nós”, enfatiza Parizotto.

    A ação teve apoio da Prefeitura de Chapecó por meio da Secretaria de Defesa do Cidadão e Mobilidade.

    Veja também

    Manifesto das entidades aos proprietários de imóveis comerciais01/03 Ao contrário do que previam as autoridades, a crise sanitária que eclodiu no Brasil no primeiro trimestre de 2020, provocada pela covid-19, recrudesceu em 2021, exigindo ações emergenciais de todas as esferas do Poder Público e também da sociedade civil. A velocidade de transmissão do vírus, o espalhamento da doença e a letalidade das novas......
    Dr. Mário Lanznaster25/10/20 Dr. Mário Lanznaster As palavras se revelam insuficientes para expressar quanta gratidão e respeito a comunidade chapecoense nutre pela sua figura e pela sua trajetória. O trabalho foi o norte de sua vida. A cooperação foi o princípio que o......

    Voltar para Notícias