Aba 1

    NOTÍCIAS

    Postado em 26 de Junho de 2019 às 16h47

    Conexão Desbravalley Carta de intenções firmará parceria entre o Brasil e Israel

    Representatividade e Ações (74)Informações e Negócios (22)
    • ACIC CHAPECÓ -
    • ACIC CHAPECÓ -
    • ACIC CHAPECÓ -
    • ACIC CHAPECÓ -
    • ACIC CHAPECÓ -

    Fundador da Tech7, Yotam Tzuker, reúne-se com prefeito de Chapecó, palestra para empresários e confirma propósito de investir no município

    Uma carta de intenções entre empresários, universidades e poder público oficializará parceria entre Chapecó e a cidade de Berseba, no Israel. A decisão foi confirmada nessa semana durante o evento Conexão Desbravalley Brasil – Israel que trouxe o especialista em desenvolvimento de ecossistemas e fundador da Tech7, organização que conecta os membros do ecossistema tecnológico do Sul de Israel, Yotam Tzuker, e a coordenadora do Tech7 Juniors, Judith Rachel Charbit, para o município. Eles palestraram para empresários, conheceram empresas, startups, universidades e entidades.

    O evento foi promovido pela Fundação Científica e Tecnológica em Energias Renováveis (FCTER), com correalização do Sebrae/SC, parceria das universidades regionais, Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), Associação Polo Tecnológico do Oeste Catarinense (Deatec), Prefeitura Municipal de Chapecó e apoio dos demais membros do ecossistema de inovação do Oeste – Desbravalley.

    Tzuker e Judith compartilharam as experiências em inovação e como Berseba, uma cidade localizada no deserto do sul de Israel, transformou-se em uma potência mundial. “Nossa vantagem em relação ao resto do mundo é a cibersegurança. Chapecó tem essa vantagem quando se fala em tecnologia de alimentos e agricultura”, exemplificou Tzuker. Porém, destacou que para o ecossistema funcionar é preciso deixar o ego de lado e trabalhar conjuntamente, setor público, academia e poder público.

    De acordo com Tzuker, a intenção é trazer o Tech7 para Chapecó. A organização possui uma escola de startups e realiza trabalhos com adolescentes de 12 a 18 anos, incentivando-os a empreender e abrir startups. Também atua com adultos e toda a rede de inovação. “Chapecó tem uma indústria de alimentos, universidades e uma comunidade forte. São três aspectos importantes para o ecossistema funcionar, o que precisa ser feito é conectar todos. Parece simples, mas é um processo longo”, disse Tzuker acrescentando que a tecnologia de Israel pode contribuir com a região e fortalecer o ecossistema inovador.

    Em visita à prefeitura, a comitiva foi recepcionada pelo prefeito Luciano Buligon e pelo secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Marcio Sander. O prefeito frisou que Chapecó é uma cidade com vocação para inovação, porém ainda precisa se desenvolver mais no setor. “É um desafio para os próximos 100 anos. O Centro de Inovação Tecnológica irá contagiar o segmento e a vinda dos israelenses contribuiu de maneira significativa para unir essa rede. O setor cresceu muito nos últimos anos, criamos um ambiente para o desenvolvimento e este é o momento certo para essa conexão”.

    O gerente regional Oeste do Sebrae/SC, Enio Albérto Parmeggiani, destacou que o objetivo do Conexão Desbravalley Brasil – Israel foi aproximar a comunidade de tecnologia de Israel ao ecossistema de inovação da região Oeste. “Foi uma etapa a mais para conectar as soluções de empresas e startups catarinenses à iniciativa internacional”.

    Para o presidente da FCTER, Nelson Akimoto, o evento uniu forças e contou com a participação de todos os atores do ecossistema de inovação. “Os palestrantes inspiraram a fazer melhor e mostraram que uma cidade com pouco mais de 200 mil habitantes pode ser referência nacional e mundial em tecnologia, depende apenas de iniciativas. É um desafio e será a união de forças que fará Chapecó e região crescer”. Para o segundo semestre, será organizada uma missão para visitar Berseba para conhecer de perto o ecossistema de inovação da região e estreitar a conexão entre os dois países.

    Veja também

    Exposição fotográfica promove reflexão sobre a imigração de haitianos30/01/20"A Casa é um mar cheio de portos" traz um olhar sensível sobre profissões e permanece na ACIC durante o mês de fevereiro com entrada gratuita Mais de 4 mil imigrantes haitianos vivem em Chapecó. Eles vieram em busca de melhores condições de vida e, muitos, deixaram suas profissões de lado para trabalhar em outros setores ou buscar uma nova formação no Brasil. Para retratar esse aspecto, a fotojornalista Sirli Freitas fez um ensaio fotográfico documental que está exposto na Associação......
    Chapecó recebe reunião do Comitê Jurídico da Facisc26/11/19Encontro discutiu a reforma trabalhista, juros bancários, a lei de liberdade econômica e o case da Mercoagro Representantes jurídicos, advogados e empresários das Associações Empresariais da região reuniram-se, nesta semana, na Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) para a reunião do......

    Voltar para Notícias