NOTÍCIAS

Postado em 11 de Novembro de 2013 às 16h10

Biossegurança nos salões de beleza

O Núcleo dos Profissionais da Beleza da Associação Comercial e Industrial de CHapecó (ACIC) promoveu, nesta semana, do curso Biossegurança nos salões de beleza, do qual participaram empresários e colaboradores das empresas nucleadas e convidados. O tema foi abordado pela empresária nucleada, Eliane Talaska.

A instrutora iniciou conceituando o que é biossegurança para os salões de beleza. Trata-se do conjunto de ações voltadas para a prevenção, minimização ou eliminação de riscos inerentes à prestação de serviços profissionais provocados pelo uso de agentes químicos (acetonas), mecânicos (tesouras e alicates), biológicos (sangue) e físicos (estufa e autoclave garantindo assim à manicure e ao cliente um atendimento seguro e de qualidade.

Eliane apresentou estatísticas de uma pesquisa desenvolvida no estado de São Paulo entre 2006 e 2007, que apontam que uma em cada dez manicures tem Hepatite B e C; apenas 20% das manicures entrevistadas disseram que utilizam luvas, e ainda que 72% desconheciam as formas de transmissão de Hepatite B. “São dados alarmantes que precisam ser considerados. Os profissionais dessa área precisam conhecer as doenças e as formas de transmissão, para proteger a si mesmo e aos clientes”, disse Eliane.

Durante a palestra, Eliane explicou a diferença entre procedimentos como desinfecção e esterilização e indicou como fazê-los. Ela também deixou uma série de recomendações aos participantes como, por exemplo: evitar a utilização do palio de madeira (caso seja usado, deve ser de uso exclusivo de cada cliente), pois a madeira facilita o acúmulo de umidade e a multiplicação de microorganismos. “O ideal é cada cliente tenha o seu próprio Kit de alicate, tesoura, espátulas e lixas”, complementou. Além disso, Eliane advertiu para os cuidados com a saúde da própria profissional, começando pela utilização de luvas, recomendou.

De acordo com a coordenadora do Núcleo, Marlice Machado, a palestra oportunizou o aprendizado e o reforço de conceitos. “Tudo isso acaba refletindo na qualidade e segurança do atendimento prestados aos nossos clientes”, comentou.

Veja também

Cooperativa médica Unimed Chapecó: 27 anos de excelência21/02 Uma história que contribuiu expressivamente para transformar Chapecó em referência para a região e para o Estado quando o assunto é saúde. Assim pode ser descrita a trajetória da Unimed Chapecó que comemora seus 27 anos de fundação nesta quarta-feira (20). Hoje são mais de 47 mil beneficiários assistidos pelo Plano de......
ACIC na Câmara de Vereadores Motoristas de aplicativo reagem e vereadores recuam na aprovação do projeto em Chapecó13/03Lei que regulamenta transporte por aplicativo na cidade foi suspensa para revisão e melhor análise A pauta que parecia resultar de consenso gerou polêmica na sessão desta terça-feira (12) na Câmara de Vereadores de Chapecó. Depois de aprovado por unanimidade na segunda-feira (11), o projeto 1/2019 que regulamenta o......
Indicadores são a base da gestão empresarial de sucesso27/04/18 Definir, analisar e propor melhorias em indicadores que representam o alicerce que vai garantir a otimização da gestão do negócio. Esse foi o objetivo do curso “Gestão de alta performance através de indicadores......

Voltar para Notícias