Aba 1

    NOTÍCIAS

    Postado em 12 de Junho de 2014 às 13h37

    Agências de propaganda discutem o futuro do mercado publicitário no oeste catarinense

    O Núcleo das Agências de Publicidade do Oeste, vinculado a Associação Comercial e Industrial de Chapecó, em parceria com o Sindicato das Agências de Propaganda de SC (Sinapro) realizou, na última semana, o encontro do projeto Publicidade COM Comunicação.

    A programação contou com apresentação do SinaproSC, conduzida pela presidente Rosa Senra Estrella. Ela falou sobre a campanha de valorização do trabalho das agências de propaganda, expôs os convênios e o planejamento para 2014. Na sequência, houve apresentação do IBOPE, com dados de tendências de consumo. Por fim, ocorreu Workshop ministrado pelo ex-sócio diretor da Agência Talentet – (uma das maiores do país), Antônio Lino Pinto, que abordou o tema “Administração de gestão de agências”.

    O coordenador Walter Hugo Bracht destacou que o Núcleo trabalha intensamente para reunir, não somente as agências nucleadas, mas promover junto aos órgãos, como Sinapro e Cenp, uma grande discussão em torno do mercado publicitário, para levar conhecimento às empresas e profissionais do setor, e consequentemente, resultado aos clientes das agências.

    Participaram do evento todas as agências que são devidamente certificadas pelo Conselho Nacional de Normas e Padrão (Cenp), que regulamenta as práticas do mercado publicitário nacional.

    Veja também

    Sicredi apoia desenvolvimento de MEIs com o programa Cooperação na Ponta do Lápis30/09/20 A Sicredi Região da Produção RS/SC/MG está apoiando os pequenos negócios e Microempreendedores Individuais associados, para que tenham ainda mais possibilidades de se fortalecer, especialmente nesse período de dificuldades econômicas, de diversas formas - e não só por meio da concessão de crédito.  Procurando entender as reais......
    Mercado da proteína animal é promissor, afirma Ricardo Santin19/10/20 A pandemia fez o mundo pensar melhor na sua alimentação e qualidade dos alimentos. O Brasil não só conseguiu manter, mas aumentou sua produção e não parou durante esse período, com o setor e todos que......

    Voltar para Notícias