NOTÍCIAS

Postado em 13 de Junho às 14h34

ACIC na Câmara Legislativo solicita informações sobre o aeroporto à Prefeitura

Representatividade e Ações (19)
  • ACIC CHAPECÓ -

Requerimento aprovado na sessão dessa quarta-feira questiona quais são os valores gastos e a arrecadação mensal

A Câmara de Vereadores de Chapecó aprovou, em sessão nessa quarta-feira (12), requerimento do vereador Neuri Mantelli (sem partido), que solicita ao prefeito Luciano Buligon informações sobre o valor arrecadado mensalmente pelo Município de Chapecó com as operações do Aeroporto Serafim Enoss Bertaso e quanto é gasto em sua manutenção, considerando todas as despesas, encargos e saídas de recursos. O vereador solicita que seja repassada à Casa um relatório com os valores discriminados por área.

Outra proposição aprovada foi do vereador Cleber Ceccon (PT) que solicita informações referentes ao contrato de asfaltamento de ruas no Bairro Vila Real. O documento é direcionado ao superintendente regional da Caixa Econômica Federal, Ruben Valter Grams, gerente de filial da Gerência de Governos Chapecó/SC – Caixa Econômica Federal, Renato Francisco Savaris, e gerente geral da Agência Chapecó, e Elias Lazaris.

Duas moções do vereador João Rosa (PSB) também foram aprovadas. A primeira solicita que se envie Moção de Apoio ao Projeto de Emenda Constitucional número 56, de autoria do deputado federal Rogério Peninha Mendonça destinada aos também deputados Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, e Felipe Francischini, presidente da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados. O projeto propõe prorrogar os mandatos dos atuais prefeitos, vice-prefeitos e vereadores para unificar as eleições gerais e municipais. A segunda, solicita o envio de moção do mesmo teor ao presidente da União dos Vereadores de Santa Catarina (Uvesc) Adelar José Provenci, presidente da Federação Catarinense de Municípios (Fecam) Joares Carlos Ponticelli, presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM) Glademir Aroldi e presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) Jonas Donizette. Sete indicações também foram aprovadas durante a sessão.

VISITA

À convite do vereador Diego Alves (PP), a sessão dessa quarta-feira contou com a participação da gestora da Escola Básica Municipal em Agropecuária Demétrio Baldissarelli, Elaine Geske, vice-gestora Cleonice Dias de Souza e a coordenadora Thaís Mocelin. O objetivo da visita foi a apresentação do trabalho realizado pela instituição, que está localizada na Linha Rondinha, no distrito de Marechal Bormann, no interior de Chapecó.

De acordo com os dados apresentados, a escola atende hoje cerca de 300 alunos, das zonas rural e urbana, da educação infantil ao 9º ano. Com 53 hectares de área, a escola completa 25 anos e oferece atividades diferenciadas em seu currículo escolar.

Elaine destacou algumas das atividades que fazem parte do dia a dia da escola e que demonstram os diferenciais do trabalho realizado. Na grade dos estudantes, além das disciplinas da base curricular, é priorizado o aprendizado a partir da teoria e prática, com o ensino de práticas da agricultura, indústrias rurais, zootecnia, administração e trabalho de campo. Além disso, as atividades incluem educação ambiental e musical e movimentos corporais.

Os trabalhos práticos são desenvolvidos em espaços diferenciados: na horta e horto escolar; em área de produção para o estudo de zootecnia, na trilha ecológica que recebe alunos de diversas escolas do município e região e, ainda, no espaço da estância ambiental, um local onde estão abrigados animais apreendidos pela Polícia Militar Ambiental, que recebem os cuidados de biólogos e alunos. “Objetivo é atender o maior número possível de estudantes em tempo integral. Com todas as atividades, conseguimos também envolver a comunidade e aumentar a participação dela na escola. Além disso, os alunos sentem orgulho de estudar lá, aproveitando o espaço para realmente aprender”, comenta a gestora.

O vereador proponente da visita destacou a importância do trabalho realizado pela escola. “É um espaço onde se atua com as crianças do interior, desenvolvendo talentos e ensinando. A escola está incentivando e mostrando o valor que a terra tem, estimulando os estudantes para que busquem espaço e permaneçam no campo”, ressaltou.

ACIC E OBSERVATÓRIO

A Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) e o Observatório Social têm estado presentes em todas as sessões da Câmara para acompanhar e fiscalizar a atuação do Legislativo. A iniciativa convida toda a comunidade para participar dos debates.

Veja também

Promoção Internacional do agronegócio será discutida na ACIC09/12/14 O Núcleo de Comércio Exterior e Logística Internacional da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) e a Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), com apoio do Ministério da Agricultura e Pecuária e Abastecimento, realizam nesta quarta-feira, 10, a partir das 14h30, no auditório da ACIC em......
Investimentos viabilizados pelo BRDE somam R$ 2,7 bilhões em 201822/04 O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul – BRDE encerrou 2018 com contratações de financiamentos de R$ 2,36 bilhões, em 4.320 novas operações. Foi um crescimento de 7,4% em relação ao ano......
O que preciso fazer para me tornar um Profissional de Sucesso?14/06/18 Geralmente no início da carreira, costumamos nos espelhar em profissionais que conseguiram chegar aonde queriam e, por isso, são reconhecidos pelo mercado, mencionados como exemplos a serem seguidos. Mas para passar da admiração a......

Voltar para Notícias