Aba 1

    NOTÍCIAS

    Postado em 07 de Dezembro de 2020 às 17h31

    Presidente da ACIC Chapecó entrega documento do Reage SC ao governador

    As entidades integrantes do Movimento Reage SC, criado para expor os anseios do setor produtivo de Santa Catarina, solicitaram ao governador Carlos Moisés a sanção do Projeto de Lei que estabelece o ensino escolar e afins como essenciais mesmo em cenários de calamidade pública. O projeto foi aprovado pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina na última quarta-feira (02).

    O presidente da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), Nelson Akimoto, entregou, na última semana, um documento ao governador, durante sua visita ao município, pedindo a sanção do projeto de lei.

    "Esse projeto declara a educação presencial essencial. Nesta semana, tivemos uma vitória na Alesc com a sua aprovação. Agora, falta a sanção do governador e, como uma maneira de sensibilizá-lo, fizemos a entrega pessoalmente. Obtivemos a resposta de que será dada uma atenção especial", comenta Akimoto.

    O projeto de lei argumenta que o modelo à distância impôs aos alunos e professores a procura por soluções que, mesmo com todo o esforço da comunidade acadêmica, não supriu as necessidades daqueles que precisam aprender, conviver em sociedade e adquirir experiência. Também frisa que as oscilações do mapa de risco não justificam mudanças já estabelecidas para o retorno das aulas presenciais.

    Mais de 90 entidades integram o Movimento Reage SC. Em Chapecó, participam a ACIC, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e o Centro Empresarial de Chapecó (CEC).

    Veja também

    GARANTEOESTE - Sistema SICOOB participa da primeira Sociedade de Garantia de Crédito21/08/14 A Sociedade de Garantia de Crédito - GARANTEOESTE/SC assinou, nessa semana, no auditório da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), termos de adesão para aportes destinados à formação do fundo garantidor de risco pelas cooperativas do sistema SICOOB. O evento também marcou a apresentação do processo de......

    Voltar para Notícias