Aba 1

    Postado em 19 de Abril às 15h39

    ACIC promove reunião com entidades brasileiras e prefeito de Chapecó

    Case do município foi apresentada para representantes de organizações empresariais de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

    A Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) promoveu, na sexta-feira (16), reunião on-line com representantes de entidades empresariais e do Poder Legislativo de municípios dos Estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. O objetivo foi apresentar as ações realizadas em Chapecó para combate e tratamento à covid-19. Representaram o município o prefeito João Rodrigues e o presidente da ACIC, Nelson Eiji Akimoto.

    Participaram a Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Nova Friburgo (Acianf), Associação Comercial e Industrial de Lençóis Paulista (Acilpa), Associação Comercial e Empresariais de Batatais (ACE Batatais), Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Mariana (Aciam), Câmara de Dirigentes Lojistas de Mariana (CDL), Associação Comercial e Industrial (ACI) e CDL de Sete Lagoas, Secretaria de Saúde de Mariana, Câmara de Vereadores e Hospital Municipal de Sete Lagoas.

    O prefeito de Chapecó explanou sobre as ações promovidas que resultaram na redução em mais de 90% no número de casos ativos, de 5,5 mil no início de março para 435 nesta sexta-feira. O auxílio e contribuição da classe empresarial foi destacado por João Rodrigues. "Não recebemos repasses do Governo Federal para essas ações. Tudo foi feito com recursos da Prefeitura e com a contribuição dos empresários do município".

    Em fevereiro o sistema de saúde entrou em colapso, com lotação de todos os leitos da rede pública e privada. O foco de atuação da Prefeitura foi na busca de recursos para aumentar o número de leitos, que passaram de 35 para 103 no Hospital Regional do Oeste (HRO). Rodrigues salientou que, a partir de campanha do Centro Empresarial de Chapecó (CEC) - composto por 16 entidades empresariais, entre elas a ACIC - foram angariados mais de R$ 2 milhões com doações. Esse valor foi destinado para compra de equipamentos e pagamento de honorários de equipes médicas que atuaram na linha de frente das unidades de atendimento.

    Rodrigues relatou outras ações, como a compra de 40 mil testes rápidos. "Antes os exames demoravam de oito a dez dias para terem o resultado. Então, compramos testes swab nasal, de antígeno, que dá o resultado em 20 minutos. Com isso, o sujeito já recebe o tratamento imediato e é isolado", explicou. Também falou das ações no pico da pandemia, quando faltou leito na região e a administração municipal abriu 75 leitos de enfermaria e 25 de Unidade de Tratamento Semi Intensivo, no Centro de Cultura e Eventos, local onde foi instalado o Centro Avançado de Atendimento Covid, mantido a partir de doações da comunidade.

    Citou, ainda, a operação "Lockdown Inverso", com reforço nas medidas de testagem, isolamento e monitoramento dos pacientes infectados. Também falou da unidade móvel para testagem rápida, que vai até a cada das pessoas que têm sintomas, e de programa que doa alimentos para pessoas em vulnerabilidade que estão em quarentena.

    Nelson Akimoto realçou a criação do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, em 2020, e que tem ativa participação da ACIC desde o início. "Esse Comitê foi criado no início da pandemia e é coordenado pela Prefeitura. É composto por autoridades de saúde e de segurança e líderes de entidades empresariais para monitorar a atual situação e propor ações", explicou, ao comentar as medidas adotadas pela entidade para contribuir com as empresas no enfrentamento da pandemia.

    Veja também

    Adapte seu negócio e saia fortalecido da crise28/04/20 Reinventar-se, investir em tecnologia, ser visionário e não desistir. Esses são alguns comportamentos que os empreendedores precisam ter para manter os negócios não apenas em períodos de dificuldade, mas em todos os momentos. A situação atual preocupa a todos, mas é possível avaliar cada atividade, inovar e sair fortalecido da crise provocada pela......
    MEDIDA 2 - SALVE VIDAS25/03/20 GDP 147/20 24 de Março de 2020. Ao Quadro Social da ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E INDUSTRIAL DE CHAPECÓ Senhores Associados, Compreendendo a dimensão e a complexidade da pandemia do novo Coronavírus que......
    Mecânicas reforçam cuidados com higiene em Chapecó13/05/20Empresas do Núcleo de Automecânicas da ACIC aproveitaram período de isolamento para capacitação e para reinventar os negócios Na rotina agitada do mundo atual, os veículos tornaram-se objetos de extrema necessidade. As novas tecnologias proporcionam mais conforto e segurança aos motoristas e passageiros, mas também exigem cada vez mais destreza, agilidade e......

    Voltar para (Contra Coronavírus)